Eleições nos EUA são marcadas por vitórias das minorias

Escrito por  Das Agências de Notícias
Publicado em Mundo
Quarta, 07 Novembro 2018 13:43

Jared Polis se tornou o primeiro governador abertamente gay a ser eleito no país; americanos também elegeram duas congressistas de origem indígena

Eleitores dos Estados Unidos elegeram nessa terça-feira (06/11) senadores, governadores e deputados nas chamadas "midterms", ou seja, as eleições de meio de mandato. O saldo das urnas indica renovação de mais de 75% dos governos estaduais e um terço do Senado americano. Além disso, as eleições nos EUA foram marcadas pela vitória de minorias que nunca tinham sido representadas, com a eleição de muçulmanas, indígenas, LGBTs e de um número maior de mulheres.

Duas mulheres muçulmanas saíram vitoriosas nas eleições nos EUA e chegarão à Câmara dos Representantes. Ihan Olmar, democrata, nasceu na Somália e chegou aos Estados Unidos como refugiada. Ela venceu com 78,2% dos votos no 5º distrito de Minnesota. Já Rashida Tlaib, também democrata, é a primeira mulher de origem palestina a se eleger na Câmara. Ela obteve 88,7% dos votos no 13º distrito de Michigan.

O também integrante do partido Democrata Jared Polis (na foto acima) se tornou, no Colorado, o primeiro governador abertamente gay a se eleger nos EUA. Deputado federal desde 2009, Polis defendeu um governo progressista, com um sistema de saúde público universal, leis de porte de armas mais restritas e revogação da pena de morte.

A atual governadora do Oregon, a democrata Kate Brown, é bissexual e já era considerada a primeira abertamente LGBT a ser eleita para o governo de um estado americano. O ex-governador de Nova Jersey, Jim McGreevey, também se assumiu gay antes de deixar o cargo, no início dos anos 2000.

No estado de Massachussets, haverá uma congressista negra pela primeira vez, Ayana Pressley. Além disso, Sharice Davids, no Kansas, e Deb Haaland, no Novo México, são as primeiras nativo-americanas a chegar à Câmara, o que já havia sido feito por homens, mas nunca por mulheres desta minoria .

Pela primeira vez, duas congressistas latinas foram eleitas: Veronica Escobar e Sylvia Garcia. Ambas venceram pelo estado do Texas. Uma republicana, Marsha Blackburn, tornou-se a primeira senadora mulher no estado do Tennessee, ela se alinha aos posicionamentos do atual presidente, Donald Trump.

Essas eleições também tiveram a vitória da congressista mais nova a ser eleita pela Câmara dos EUA, Alexandria Ocasio-Cortez, de 29 anos. Também latina e democrata, Alexandria conquistou os eleitores com propostas de igualdade social, distribuição de renda e críticas ao modelo capitalista americano.

Outras duas mulheres são as primeiras de origem indígena a se elegerem para a Câmara, Deb Haaland venceu pelo 1º distrito do Novo México com 59,1% dos votos, é ativista e já fez campanha pelo impeachment de Trump.

Sharice Davis, além de ser uma das primeiras indígenas a ganhar as eleições nos EUA , também é a primeira deputada lésbica eleita pelo estado, eleita pelo 3º distrito do Kansas. Ela já trabalhou na Casa Branca como bolsista durante o governo Obama.

Lido 20 vezes Última modificação em Quarta, 07 Novembro 2018 14:25

Compartilhe nas Redes Sociais!

Temos 159 visitantes e Nenhum membro online

Telefones Úteis

Energisa - (83) 2106-7000
Ultragás - (83) 3292-2217
Audicon - (83) 3246-0599
Cagepa - 115
GVT - 10325
NET - 10621
SKY - 10611
Tely - (83) 3049-4229
Polícia - 190
Bombeiros - 193
SAMU - 192
(83) 3216-2500
Dele.da Mulher
(83) 3218-5316

Entre em Contato

 

Av. Senador Ruy Carneiro, 636 sl 201

Manaíra, João Pessoa, Paraíba, Brasil

Tel: (83) 3021-8885 - Cel: (83) 98725-1693

Email: redacao@24horaspb.com

Website: http://www.24horaspb.com

JoomShaper