Festival Rec-Beat faz prévia em JP com o trio Fémina

Escrito por  Da redação com Assessoria
Publicado em Cultura
Quarta, 07 Fevereiro 2018 16:24

As meninas já passaram pelos EUA, México, Europa, estão em tour pela Austrália e agora estreiam no Brasil

Fémina (na foto) é a primeira atração internacional confirmada na programação no Rec-Beat 2018, trio de compositoras da Patagônia formado por Sofia "Toti" Trucco (vocais, violão, ronroco), Clara "Wewi" Trucco (vocal, percussão), e Clara Miglioli (voz, guitarra). Sua música une elementos de diferentes ritmos latinos, como cúmbia, candombe, rumba e bolero, além do groove do hip hop e funk em delicadas e estonteantes harmonias vocais.

O trio composto por mulheres, se apresenta junto com a banda Chico Correa & Electronic Band, nesta quinta-feira (08/02), no Miragem - Casa Cosmopopeia, situado na Ladeira da Borborema, 114, Centro Histórico de João Pessoa. O show começa às 20h e os ingressos estão sendo vendidos ao preço de R$ 30 (inteira) e R$ 15 (meia).

O trio argentino já passou pelos EUA, México, Europa, estão em tour pela Austrália e fazem a sua estreia no Brasil no palco do Festival, no Carnaval do Recife. Fémina tem dois álbuns lançados e acabaram de gravar o terceiro disco em Nova York, com o aclamado produtor britânico Quantic.

Sobre o Festival - O Rec-Beat realiza sua 23ª edição entre os dias 10 e 13 de fevereiro no histórico Cais da Alfândega, durante os quatro dias do Carnaval no Recife, capital pernambucana, com acesso gratuito.

Totalizando 24 atrações, o festival será palco para diversos lançamentos de discos e shows inéditos no Recife e também a estreia de artistas da Espanha, Argentina, França e Alemanha em solo brasileiro, sublinhando o propósito do Rec-Beat em apresentar as mais novas e ousadas propostas de diferentes cenas musicais.

Em sintonia com a multiplicidade estética da música contemporânea mundial, o line-up desta 23ª edição passeia entre as novas levadas do hip hop nacional à recriação da música latina. Vai da tradição secular das bandas de pífano do interior de Pernambuco aos sons digitais do brega funk da capital do estado. Recebe show especial de pilares da música brasileira, ao mesmo tempo que projeta novos ídolos. Muito além de um “cardápio de novidades”, o festival convoca a escutar a pluralidade de nosso tempo e a derrubar os muros que dividem a música, aproximando estéticas inovadoras diversas — tudo isso no coração da festa carnavalesca, no centro do Recife.

Don L é um dos destaques do evento entre os nomes nacionais. Membro do influente grupo Costa a Costa, o rapper cearense fará sua estreia em um festival de grande porte. Ele apresenta o show de “Roteiro Para Aïnouz vol. 3”, álbum que analisa a condição do movimento hip hop no seu atual momento de mainstreaming com uma linguagem sonora única.

Erasmo Carlos fará o show de encerramento do festival, mostrando um repertório que combina os seus clássicos eternos com as novidades do álbum “Gigante Gentil”. O Tremendão ocupa a linha curatorial do festival que busca apresentar às novas gerações um nome icônico de relevância histórica da música brasileira — Mestre Vieira, Selma do Coco, Luiz Melodia, Dona Onete, Jards Macalé, Arrigo Barnabé e João Donato são alguns dos mestres que passaram pelo Rec-Beat.

Do Espírito Santo, a jovem Ana Muller representa uma nova cena de cantores-compositores de perfil acústico que fazem gravações em casa e conquistam seu público com circulação independente do tipo faça-você-mesmo. Seu primeiro EP, intitulado com seu nome, foi lançado pelo selo Garimpo, do grupo Brasileiríssimos, e revela a voz doce, interpretação intensa e sofisticação lírica.

Como painel da nova música do país, o festival reflete a fértil produção do rap brasileiro. Além de Don L, o Rec-Beat 2018 terá Rimas & Melodias, supergrupo que reúne as minas da vanguarda do hip hop em torno de cyphers (encontro de MCs em rimas conjuntas, como as rodas de freestyle) sobre a visibilidade das mulheres e cultura negra.

O trio feminino Arrete apresenta o show do seu primeiro disco “Sempre com a Frota”, uma mistura do rap e ragga com tempero regional. Diomedes Chinaski e Luiz Lins, dois dos maiores nomes do novo rap do Nordeste, farão no festival um show conjunto inédito, acompanhado pelo DJ e beatmaker Mazili.

PROGRAMAÇÃO – FESTIVAL REC-BEAT 2018 - 23ª EDIÇÃO

Sábado, dia 10/02/18
* DJ Rafoso Seletor (PE) nos intervalos entre as bandas

19h30 – DJ Ipek (Alemanha/Turquia)

21h00 – Ana Mulller (ES)

22h00 – Daniel Peixoto (CE)

23H10 - Diomedes Chinaski & Luiz Lins (PE)

00H30 – MC Tocha (PE)

Domingo, dia 11/02/18

19h30 – DJ Flavya (Estados Unidos)**

20h00 – Arrete (PE)

21h00 – Lucas Estrela (PA)

22h00 – Javier Diez-Ena (Espanha)

23h10 – Don L (CE)

00h30 – Larissa Luz (BA)

Segunda, dia 12/02/18

19h30 – DJ Grace Kelly (Brasil/Alemanha)**

20h00 – João do Pife e Banda Dois Irmãos (PE)

21h00 – Carne Doce (GO)

22h00 – Fémina (Argentina)

23h10 – Xenia França (BA)

00h30 – Johnny Hooker (PE)

Terça, dia 13/02/18

19h30 – Worm Disco Club (Inglaterra)**

20h00 – Frevália (PE)

21h00 – Rimas & Melodias (SP)

22h00 – Black Devil Disco Club (Live) (França)

23h10 – Otto (PE)

00h30 – Erasmo Carlos (RJ)

** Os Djs que fazem a abertura da noite e os intervalos entre as bandas.

Lido 86 vezes

bannermarcelo0000

Compartilhe nas Redes Sociais!

Temos 113 visitantes e Nenhum membro online

Telefones Úteis

Energisa - (83) 2106-7000
Ultragás - (83) 3292-2217
Audicon - (83) 3246-0599
Cagepa - 115
GVT - 10325
NET - 10621
SKY - 10611
Tely - (83) 3049-4229
Polícia - 190
Bombeiros - 193
SAMU - 192
(83) 3216-2500
Dele.da Mulher
(83) 3218-5316

Entre em Contato

 

Av. Senador Ruy Carneiro, 636 sl 201

Manaíra, João Pessoa, Paraíba, Brasil

Tel: (83) 3021-8885 - Cel: (83) 98725-1693

Email: redacao@24horaspb.com

Website: http://www.24horaspb.com

JoomShaper